Que lê sob/sobre bosta/merda

Scroll down to content

Leio MER DA no Jornal | Atibaia | Jaime Scatena

Roteiro

Construçao Jornal TV Burio (Cidade dos medios de comunicaçao)

María Eugenia Arostegui Sebastian

Baseado na letra da cançao “construçao” de Chico Buarque e a estrutura do roteiro de Cidade de Deus.

Um tratamento possível

2011

 

Abrimos com a imagem de um jornalista recebendo os do roteiro produzido pela equipe do TV jornal e fazendo a escolha dos filminhos nos seus archivos. As imagens sugerem a preparaçao dos conteúdos do TV jornal.

Ouve-se o director falando alto para o jornalista: Estamos em tempo real sao ás 8 horas.

Vozes cantando Construçao do Chico Buarque (a letra tem como tema a historia da morte de um operário da construçao):

Amou daquela vez como se fosse a última
Beijou sua mulher como se fosse a última
E cada filho seu como se fosse o único
E atravessou a rua com seu passo tímido
Subiu a construção como se fosse máquina
Ergueu no patamar quatro paredes sólidas
Tijolo com tijolo num desenho mágico
Seus olhos embotados de cimento e lágrima
Sentou pra descansar como se fosse sábado
Comeu feijão com arroz como se fosse um príncipe
Bebeu e soluçou como se fosse um náufrago
Dançou e gargalhou como se ouvisse música
E tropeçou no céu como se fosse um bêbado
E flutuou no ar como se fosse um pássaro
E se acabou no chão feito um pacote flácido
Agonizou no meio do passeio público
Morreu na contramão atrapalhando o tráfego

Panoramas da cidade enchen a tela.

Carateres em superposiçao: Burio TV Jornal ao vivo.

O rostro de um homem (com clara evidência de estar morto)em close enche a tela.

Ouve-se a vos  do jornalista apresentando.

Jornalista

Hoje ao meio –dia o tráfego estava engarrafado na principal rodovia da cidade. Você conhece o motivo do seu atrapalho?.

Um operário construção agonizou no meio do passeio público. Por que motivo ele morreu?.

Algumas pessoas acharam que ele morreu num acidente, outros que foi um assasssinato e outros que ele se suicidou. Mas ninguém soube o verdadeiro motivo.

Va   publicidade

Vemos publicidades de empresas privadas que oferecem serviços de locação de andaimes e acessórios  para a construçao, seviço funerário,Seguraça social, .

Fecha publicidade

Volta o tv jornal.

Vemos a cozinha de uma casa, trata- de se de uma casa pobres.

Aparece em primer plano o jornalista apontando o microfone  para uma mulher.

Jornalista

Nós pudemos fazer uma entrevista com sua mulher.

Vemos na cozinha  o aparelho de TV LED. O câmara foca-se na tela dele.

Na tela aparecem:

Carateres em superposiçao: Burio TV Jornal ao vivo.

O rostro de um homem (com clara evidência de estar morto)em close enche a tela.

Ouve-se a letra da cançao do Chico Buarque.

Amou daquela vez como se fosse o último
Beijou sua mulher como se fosse a única
E cada filho como se fosse o pródigo
E atravessou a rua com seu passo bêbado
Subiu a construção como se fosse sólido
Ergueu no patamar quatro paredes mágicas
Tijolo com tijolo num desenho lógico
Seus olhos embotados de cimento e tráfego
Sentou pra descansar como se fosse um príncipe
Comeu feijão com arroz como se fosse o máximo
Bebeu e soluçou como se fosse máquina
Dançou e gargalhou como se fosse o próximo
E tropeçou no céu como se ouvisse música
E flutuou no ar como se fosse sábado
E se acabou no chão feito um pacote tímido
Agonizou no meio do passeio náufrago
Morreu na contramão atrapalhando o público

jornalista

Senhora como é que Vc soube a notícia da morte de seu marido?

Senhora

Eu estava á uma da tarde assistindo o jornal na televisão e o jornalista disse que na principal rodovia o tráfego estava engarrafado porque um homem que trabalhaba na construção acabou  feito un pacote flácido e morreu  na contramão atrapalhando tudo. Quando  o câmera  mostrou a cara e seu  corpo , eu vi a cara e o corpode meu marido.

 

jornalista

Senhora Algumas pessoas acharam que o motivo do acidente foi que na hora do almoço bebeu e voltou bêbado a trabalhar no andaime, depois dançou  fazendo brincadeiras, então ele se tropeçou e no final caiu. O que é que você pensou disso, do que eles disseram?.

Aparece em paralelo filminho de disenhos animados representando a hipotése.

Senhora

Eu pensei que eles não conheciram meu marido. Ele munca dançou depois de beber.

Va   publicidade

Vemos publicidades de empresas privadas que oferecem serviços de locação de andaimes e acessórios  para a construçao, seviço funerário,Segurança social, segurança rodoviaria,no trabalho, cerveja, fast food.

Fecha publicidade

Volta o tv jornal

Ouve- se a letra da cançao do Chico Buarque.

Amou daquela vez como se fosse máquina
Beijou sua mulher como se fosse lógico
Ergueu no patamar quatro paredes flácidas
Sentou pra descansar como se fosse um pássaro
E flutuou no ar como se fosse um príncipe
E se acabou no chão feito um pacote bêbado
Morreu na contra-mão atrapalhando o sábado

Aparece o jornalista na cozinha perguntando para a mulher.

Jornalista

Outras pessoas disseram que de manhã viram ele atravessando a rua com seu passo tímido  e muito triste, que ele  num andaime da construção começou o trabalho. Na hora do almoço ele  ó  feijão com arroz  , bebeu  e logo depois sentou- se para descansar e voltou no andaime, soluçou e depois suicidou se.

Aparece em paralelo filminho de disenhos animados representando a hipotése.

 

– Você sabe  se ele estava triste?.

Você acredita que ele se suicidar ?.

 

Senhora:-Eu não acredito.

Va   publicidade Vemos publicidades de empresas privadas que oferecem serviços de locação de andaimes e acessórios  para a construçao, seviço funerário,Segurança social, segurança rodoviaria,no trabalho, cerveja, fast food, serviços psicológicos, igrejas.

Fecha publicidade

Volta o tv jornal

 

 

 

 

 

Ouve- se a letra da cançao do Chico Buarque

Por esse pão pra comer, por esse chão prá dormir
A certidão pra nascer e a concessão pra sorrir
Por me deixar respirar, por me deixar existir,
Deus lhe pague
Pela cachaça de graça que a gente tem que engolir
Pela fumaça e a desgraça, que a gente tem que tossir
Pelos andaimes pingentes que a gente tem que cair,
Deus lhe pague Pela mulher carpideira pra nos louvar e cuspir
E pelas moscas bicheiras a nos beijar e cobrir
E pela paz derradeira que enfim vai nos redimir,
Deus lhe pague

 

Jornalista

Mas sabe se ele estava triste?. De manhã, bem cedo, quando seu marido tomou o café da  manhã, falou disso com ele?.

Senhora

 Eu não falei disso com ele porque hoje não acordei bem cedo para tomar o café da manhã  com ele.

Ontem à noite vc brigou com seu marido?.

Senhora:- Não, ontem à noite ele não ficou triste. Eu não acordei bem cedo porque quis dormir.

Aparece em primer plano o jornalista

Carateres em superposiçao: Burio TV Jornal ao vivo

Jornalista

Chegamos no final.Burio TV Jornal ao vivo.

Voltamos logo.

Cities in dialogue:

  • Photo 1 (Ferro, merda e madeira (ela que lê sob a bosta) | Curitiba | Gabriela Canale)
  • Photo 2 ( Washed Off  Clean Trafalgar )| London | Roberto Cambusano )
  • Photo 3 (Leio MER DA no Jornal | Atibaia | Jaime Scatena)
  • Script (Assito MERDA no Jornal|Buenos Aires|María Eugenia Arostegui)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: